Instagram

Qual é o seu medo?

No amor não há medo; pelo contrário o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo. Aquele que tem medo não está aperfeiçoado no amor. (1 João 4:18)

Confiar ou não confiar, tentar ou não tentar, superar os medos ou ser derrotados por eles?

Tenho carteira de habilitação há 12 anos, porém, dirijo só a 5 anos. Passei por fases de insegurança, quando comprei o carro em 2014 e comecei a dirigir. Era algo bem desafiador, mas, com o passar dos dias e situações isso foi passando e melhorando. Até que em março/2019, sofri um acidente na estrada, o carro aquaplanou na chuva, mesmo estando a 45km/h, foi colisão frontal com perca total de ambos carros, perdi o meu carro, fiquei no prejuízo, não tinha seguro, todos os 4 envolvidos se machucaram, houve uma morte. Logo após a minha recuperação, a preocupação da minha família era se eu tinha me traumatizado, e se conseguiria voltar a dirigir, mas, por mais louco que isso tenha sido, voltei a dirigir normalmente, sem medos ou receios. Em 08/Julho, “esbarrei” em um motoqueiro, houve uma colisão lateral leve, poucos danos materiais e/ou danos físicos leves, me assustei, mas, continuei dirigindo. Semana passada, ao tirar o carro da garagem, acabei encostando no poste em frente ao portão de casa, poste no qual sempre esteve ali, desde que me conheço por gente, mas, por distração, riscou o carro do meu pai. Cumpri a minha rotina, mas, foi nesse dia, que tudo mudou.

Foi Deus, sempre é.

Fiquei tão incomodada, que analisei tudo e pensei: “Não vou mais dirigir! Assim não dá! Isso tudo deve ser um sinal de Deus pra, eu parar de ser teimosa e desistir de dirigir.” Compartilhei isso com os meus pais, e adivinha a reação especificamente do meu pai? Ficou bravo comigo e disse: “Você não pode parar de dirigir! Eu preciso que dirija. Sozinho, não dou conta de estar em vários lugares ao mesmo tempo! Pará com isso e cresce! Carro, eu dou um jeito, arrumo, conserto e não estou me importando com isso.”

Passaram alguns dias, tive que dirigir, respirei e orei, por que, estava com medo e não tinha escolha, devido as circunstâncias! E Deus curou isso ali, tirou tudo de dentro pra fora, como se fosse a primeira vez. Me senti tão leve, feliz, tranquila e confiante como se nada tivesse acontecido.

Cada um têm as suas dificuldades, medos, receios, traumas e inseguranças

Ninguém é igual, somos pessoas únicas dividindo o mesmo espaço e compartilhando as nossas vidas uns com os outros. Cada um tem uma experiencia de vida e passa por algumas situações e problemas semelhantes e, ás vezes, completamente diferentes… Mas, é escolha de cada um, decidir como lidar ou reagir à tudo isso.

Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar”. (Josué 1:9)

Deus não nos fez pessoas covardes, medrosas e que se deixam abater nas dificuldades…

Ele colocou uma dose de força, coragem, determinação e ousadia em cada um de nós! Não podemos permitir desistir das coisas ou nem deixar de superá-las e vencê-las, devido as circunstâncias recentes ou passadas.

Pois Deus não nos deu espírito de covardia, mas de poder, de amor e de equilíbrio. (2 Timóteo 1:7)

O medo serve para nos desafiar á crescer e superar, e não para nos paralisar

Deus quer expulsar todo o medo que há em você! Te fazer vencer, evoluir, aprender. Permita que Ele cuide disso em você, que trate cada detalhe, cada trauma ou receio de tentar mais uma vez. Respire, ore e tente, você irá se surpreender com a sua tamanha capacidade e coragem. E principalmente, cuidado e amor de Deus para contigo.

Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês”, diz o Senhor, “planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro. (Jeremias 29:11)

Permita Deus te fazer vencer, Ele luta com você!

Não estamos sozinhos, quando decidimos enfrentar, os medos, receios e até as nossas fraquezas, por que Ele prepara a vitória pra você! Você crê?

“Às vezes você não percebe as suas próprias forças até que enfrenta a sua maior fraqueza”. (Susan Gale)

E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. (2 Coríntios 12:9)

Tudo posso naquele que me fortalece. (Filipenses 4:13)

Post anterior
Quem é o Senhor?
Próximo post
Solidão transformada em solitude…

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Menu